Exercícios de força reduzem o risco de morte por várias doenças

Exercícios de força

Todo tipo de exercício faz bem para a saúde e ajuda na prevenção de doenças, mas um estudo recente da The University of Sydney, na Austrália, publicado no American Journal of Epidemiology aponta que especificamente o treinamento de força pode ter um papel importante na redução da mortalidade por doenças cardiovasculares e câncer, por exemplo.

O interessante desse estudo é que ele discute novos benefícios trazidos pelos exercícios físicos que promovem força muscular. Até então, a maioria das descobertas relacionava mortalidade com atividades aeróbicas. O treinamento de força era associado aos benefícios funcionais no processo de envelhecimento. Esse era o foco, mas agora as atenções foram ampliadas…

Esse foi o maior estudo feito para comparar as taxas de mortalidade com os tipos de exercícios. A análise observacional de onze coortes de população compreendeu 80.306 pessoas acima dos 30 anos. A amostra foi associada a dados de mortalidade da Health Survey for England (HSE) e Scottish Health Survey (SHS).

Analisando os sujeitos que praticavam constantemente exercícios de força, os pesquisadores identificaram uma redução de 31% das mortes relacionadas a câncer e de 23% no risco de morte prematura por várias outras doenças.

Saiba mais 
Você prefere fazer exercícios em grupo ou sozinho?
A bioimpedância é eficiente?

O estudo apontou que até mesmo as sessões mais simples de treinamento de força conseguiram diminuir os índices de mortalidade. Ou seja, não trata-se somente de musculação. Exercícios que usam carga ou até a massa corporal podem sim ser tão eficazes quanto equipamentos específicos – levando em consideração, claro, o grau de treinabilidade do sujeito. Conforme a capacidade de produção de força, novos desafios precisam ser impostos ao organismo para que se consiga aumentar ainda mais os benefícios e adaptações.

De maneira geral, os resultados da pesquisa mostram que o treinamento de força vai muito além de um corpo definido. Seja levantando cargas na academia ou fazendo exercícios clássicos em qualquer outro lugar, como abdominais e flexões, é possível colher grandes benefícios para a nossa saúde a longo prazo.

Conheça meu livro: Metabolismo energético e exercício físico: mitos e verdades

Um relatório recente divulgado por Harvard, chamado de Starting to Exercice, também fala sobre a importância dos exercícios de força. Ao lado das caminhadas, natação, Tai Chi Chuan e outras atividades, eles entram na listagem dos  “melhores” exercícios indicados pelos pesquisadores da universidade.

O relatório diz que o treinamento de força é uma ótima forma de aumentar massa muscular e reduzir gordura corporal. Também ajuda a preservar a função cerebral.

As notícias têm sido cada vez melhores nessa área. Lembre-se que a qualidade de vida depende de vários fatores e o exercício de força tem um papel importante nisso….

Compartilhe esse texto nas redes sociais usando o link do blog. Vamos espalhar a boa ciência pelas redes sociais! Bom treino!

Faça meu curso online de Bases do treinamento físico módulo 1

Att. Dr. Andre Lopes – PhD em Ciências do Movimento Humano