Descubra quais alimentos é melhor comprar na versão orgânica

Nunca se falou tanto em alimentos orgânicos como de uns anos para cá. Sim, eles são mais seguros. A produção não tem agrotóxicos, fertilizantes sintéticos e sementes transgênicas. Portanto, quem consome esse tipo de produto está menos exposto aos riscos que essas substâncias podem causar a longo prazo. Quem trabalha manipulando as plantações então, nem se fala.

Pela legislação brasileira, “produto orgânico, seja ele in natura ou processado, é aquele obtido em um sistema orgânico de produção agropecuária ou oriundo de processo extrativista sustentável e não prejudicial ao ecossistema local”. Ou seja, é feito a partir de uma produção sustentável, que prioriza a qualidade do solo, da água e do ar e as práticas de criação de animais.

Ainda se discute muito as vantagens nutricionais dos alimentos orgânicos em relação aos outros. Alguns estudos dizem que o cuidado desde o cultivo até o processamento aumenta o valor nutricional e até mesmo que as frutas orgânicas são mais saborosas. Outros trabalhos indicam que não existem diferenças significativas na concentração de nutrientes. Falamos sobre isso em um segundo momento…

Leia também
Estilo de vida saudável pode reduzir risco genético de ataque cardíaco
Saiba por que a castanha portuguesa faz tão bem à saúde

O fato é que a procura por alimentos livres de pesticidas está crescendo na mesma proporção da busca por qualidade de vida e mais saúde. Mas  essas vantagens têm um preço e ele não costuma ser barato. Comida orgânica é cara e nem todo mundo hoje em dia consegue ter acesso.

Por isso, resolvi trazer aqui pro blog uma amostra de uma lista bem interessante criada anualmente pelo Environmental Working Group (EWG) – organização americana sem fins lucrativos especializada em pesquisa de produtos químicos tóxicos, subsídios agrícolas, etc – que classifica os alimentos com mais e menos pesticidas.

A lista é baseada em amostras de produtos coletados nos Estados Unidos, mas pode ser um norte bacana para todos nós. Então dá uma espiada no ranking dos produtos:

The Dirty Dozen (os dez mais indicados para comprar na versão orgânica):

Clean Fifteen (os dez mais indicados para comprar na forma convencional):

Clique aqui e veja a lista completa.

A sugestão é escolher frutas e vegetais orgânicos com uma pele mais fina, como é o caso desses que estão na lista. Eles não tem uma grande barreira protetora contra pesticidas, por isso estão mais expostos.

Faça meu curso online sobre Bioquímica de Lipídios + Dieta proteica! 

Att Dr. Andre Lopes – PhD em Ciências do Movimento Humano